Fale Diretamente com o nosso time agora mesmo! 08003260932

Qual a função do copywriter e como se tornar um

Qual a função do copywriter e como se tornar um

Um escritor ganhou o mesmo que um jogador da Série A do Campeonato Brasileiro de futebol esse mês. Ele só conquistou isso porque não se trata de um simples redator. Ele é um copywriter, um profissional que domina a arte da persuasão e consegue transformar um texto em uma máquina de vendas.

Se você chegou até aqui e quer começar a trabalhar com Copywriting, mesmo sem ter experiência, pode continuar que esse é o lugar certo!

Nesse post, você entende o que é faz um copywriter e como você pode se tornar um redator de sucesso nessa área que é repleta de oportunidades.

Qual a função do copywriter

Antes de mais nada, vamos entender o que faz um copywriter.

Ele é um redator, mas não como os que você pode ter imaginado, porque ele utiliza técnicas de persuasão com um objetivo claro: fazer o leitor tomar uma atitude imediata.

Sendo assim, ele precisa ter mais que uma boa escrita. Um bom profissional sabe usar táticas para transformar um texto em uma máquina de vendas. Essa é a diferença básica entre um copywriter e um redator publicitário, por exemplo.

As empresas, com o crescimento do Marketing Digital, buscam a cada dia mais profissionais de copywriting, porque sabem que uma boa copy ajuda – e muito – no aumento de conversões e vendas para o negócio.

E se engana quem pensa que um profissional dessa área trabalha apenas com textos. Ele pode usar suas habilidades em diversos formatos. Tudo vai depender da versatilidade do redator.

Onde se aplica o copywriting

Imagine uma empresa. Nela, existem diversos canais de comunicação, seja escrito, por áudio ou vídeo.

Todas elas têm um objetivo específico, para atender as demandas do público-alvo que vai acompanhar o conteúdo. Os exemplos são muitos:

  • Anúncios na TV e internet
  • Formulários
  • Conteúdo institucional
  • Conteúdo para blog
  • E-mails
  • Scripts para conteúdos em vídeo
  • Anúncios para redes sociais (Facebook Ads, Google Ads)

Em todos esses exemplos, a presença de um copywriter para escrever ou revisar e dar o melhor direcionamento para o conteúdo é fundamental.

Ele será o responsável por aprimorar o conteúdo, pegando todas as características e benefícios que solucionem as dores do leitor e entregá-lo de forma fácil, clara e objetiva, no melhor formato para cada plataforma.

Acima de tudo, o copywriting é aplicado para educar, cativar e gerar atração em um cliente. Isso vai acontecer por meio de conteúdos relevantes e que atendam, de verdade, os interesses do público.

Ou seja, se você construir uma boa copy, vai atrair novos clientes, aumentar sua autoridade e tornar sua marca uma referência.

Por essa razão, as empresas buscam profissionais que conheçam as técnicas de copywriting e entreguem criações de qualidade. Se você está querendo entrar nesse universo, existem alguns passos que precisam ser seguidos, mas que não são tão complicados assim.

Como se tornar um copywriter

Você não chegou até aqui para ler clichês, não é mesmo?

Então, aqui vamos colocar algumas dicas que, se você aplicar na prática, vai conseguir seus primeiros trabalhos sem muita dificuldade. Mas, lembre-se: como qualquer profissão, o copywriting também exige esforço e, é claro, muito estudo.

Crie um portfólio e não uma obra renascentista

Simples assim, como você leu neste subtítulo.

Você não precisa ficar horas na frente de uma tela tentando criar o portfólio perfeito. Não vai ser o seu design que irá garantir a sua contratação, mas a sua habilidade como copywriter.

Dessa forma, você deve, acima de tudo, criar um portfólio por mais simples que seja. Pode ser uma carta, um texto de 200 a 400 palavras, uma legenda.

Você só precisa ter um objetivo: comprovar que sabe usar técnicas de copywriting para trazer resultados ao contratante.

Ah, e fique tranquilo! Esses trabalhos podem ser fictícios, contanto que sejam objetivos e mostram que você sabe fazer o que eles precisam.

Ou seja, nada de enviar um portfólio enorme e sem nada que atenda as demandas do cliente, hein?

Conheça clientes e entenda suas demandas

Cada cliente é um cliente diferente. Todos possuem demandas que podem se diferenciar conforme o pedido.

Você não vai conseguir fazer todos os trabalhos do mundo, porque alguns possuem especificidades que você não tem conhecimento. Por exemplo, um e-book sobre medicina, que exige uma linguagem mais formal e técnica, algo que você nunca pensou em trabalhar.

Por isso, vale a pena conhecer as demandas do cliente. Usar as redes sociais é importante nesse aspecto, tanto para se mostrar quanto para encontrar pessoas que vão contratar um serviço que você saiba fazer.

Estude!

Não, isso não é um clichê.

Neste exato momento, alguém no mercado não está fazendo isso. Por mais que pareça uma dica banal, estudar é fundamental, não apenas para entender os conceitos de copywriting, mas para entregar trabalhos com qualidade.

Por existirem diversas plataformas para se trabalhar com copywriting, é preciso entender a fundo como aplicar sua estratégia para cada uma que você está envolvido. Ah, e não deixe de acompanhar tendências de marketing.

Um bom copywriter sabe de tudo o que está acontecendo a todo momento!

Onde estudar copywriting

Se você quer aprender as técnicas necessárias para construir Copys de qualidade, convidamos você a conhecer o nosso curso de Copywriting.

O método da Receita Previsível já ajudou diversas empresas ao redor do mundo a aumentarem suas vendas e alcançarem um crescimento sólido. Com o crescimento do Copywriting, sabemos que é cada dia mais importante contar com um bom redator na equipe.

Aprenda o passo-a-passo para se tornar um grande Copywriter. Aperte no link e conheça nosso curso.

Veja mais em nosso Blog!

CRM: Tudo O que Você Precisa Saber

Inside Sales: Tudo O que Você Precisa Saber

Gestão Comercial: Tudo O que Você Precisa Saber

Account Based Marketing (ABM): Saiba tudo sobre

Thiago Muniz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Receba todas as nossas novidades!

Pesquise no blog

Categorias

Vendas

48

Uncategorized

7

Prospecção Ativa

6

Pré-vendas

49

Outbound Sales

19

Outbound Marketing

42

Outbound

24

Marketing

11

fresh air :)

45

Estratégia

36

Dicas

10

Confira Nossos Livros

Workbook Receita Previsível

Hipercrescimento

Receita Previsível

Populares

outros posts